DENÚNCIAS DE TORTURAS NO EXTERIOR ABALARAM A DITADURA MILITAR

.Repercutiram no exterior as denúncias das torturas praticadas no Brasil. Na Europa, na América Latina (principalmente antes dos golpes no Chile e na Argentina) e nos Estados Unidos organizaram-se grupos de exilados, de familiares e de pessoas – geralmente ligadas à universidade e a igrejas – que produziram dossiês sobre as violações aos direitos humanos …

MILITARES BRASILEIROS SE DISFARÇARAM COM UNIFORME DO EXÉRCITO ARGENTINO PARA PARTICIPAR DE REUNIÃO DA OPERAÇÃO CONDOR

Em outubro de 1976, um grupo de militares brasileiros se disfarçaram com uniformes do exército argentino, para participar de um encontro secreto, juntamente com militares de outros países signatários da Operação Condor. Além de viajarem disfarçados,os militares esconderam o local da reunião do Condor. No boletim interno, registram que o destino da viagem seria Chapadmal,  …

NOVOS DOCUMENTOS COMPROVAM AÇÕES CAMUFLADAS DE AGENTES DO SNI EM BUENOS AIRES

Documento localizado no arquivo da Escola Superior da Armada, em Buenos Aires – ESMA revela uma circular que anuncia a todos o   chefes de grupo   de tarefas  dependentes daquele comando e ao   grupos de tarefa do Serviço de Informação Naval,  a relação dos agentes  do  Serviço Nacional de Informações (SNI) do Brasil, autorizados a realizar …

CASAL ARGENTINO FOI VITIMA DE ARMADILHA MONTADA PELA OPERAÇÃO CONDOR

Aconteceu num sábado 2 de agosto de 1980. Na lancha Caju IV, que fazia a travessia entre Porto Meira, em Foz do Iguaçu e Puerto Iguazú, Argentina,  viajavam Liliana e Eduardo. Antes de atracar do lado argentino dois policiais brasileiros que estavam a bordo da lancha disseram ao piloto para desligar o motor e em seguida …

DOCUMENTO DA MARINHA ARGENTINA COMPROVA QUE MUSICO BRASILEIRO MORREU SOB TORTURA

Documento descoberto no arquivo da  Escola de Mecânica da Armada, a temível ESMA, comprova que o músico Francisco Tenório Junior morreu sob torturas. Trata-se de um oficio enviado ao embaixador do Brasil na Argentina pelo Capitão de Corveta Jorge Acosta, comunicando a morte do músico nas instalações da ESMA. A ESMA foi o mais emblemático …

ENCONTROS E DESENCONTROS ENTRE OS ARAPONGAS E CACHORROS DA DITADURA

O documento anexado é de autoria do agente Alberto Conrado, que por não ter conhecimento que Alberi Vieira dos Santos estava a serviço do coronel Paulo Malhães, com a missão de atrair exilados para uma armadilha montada no Paraná, comunicou a estadia do mesmo em Buenos Aires. No outro documento, Conrado reclama de ter sido …

DOCUMENTO EMITIDO PELO EXÉRCITO É EXEMPLO DOS DELÍRIOS DA REPRESSÃO

11AGOSTO73 MINISTÉRIO DO EXÉRCITO I EXÉRCITO PB 320/73 O documento anexado, a exemplo de outros, reflete o nível dos delírios e paranóias do alto comando encareegado da repressão durante a ditadura militar no Brasil. O citado e anexado documento denominado “Frentes subversivas”, fala de acordos, alianças e ações conjuntas de grupos revolucionários do Chile, Argentina …