IMPRENSA ANARQUISTA NO PERÍODO DA DITADURA MILITAR. CASO DO JORNAL LIBERA DO CÍRCULO DE ESTUDOS LIBERTÁRIOS

libera ÓRGÃO INFORMATIVO DO CIRCULO DE ESTUDOS LIBERTÁRIOS IDEAL PERES – CELIP/RJ  Historiografia da imprensa alternativa no Brasil trabalha, há tempos, com um conjunto de fontes que acabou se tornando, para o “senso comum”, sinônimo de mídia independente. Quando se fala do período de ditadura civil-militar no país (1964-1985), as referências giram em torno de …

DOCUMENTOS DA DITADURA MILITAR REVELAM QUE O MOVIMENTO BLACK E OS BAILES NA PERIFERIA FORAM INVESTIGADOS PELO SERVIÇO SECRETO

O “movimento black”, os bailes com música soul e as demonstrações da negritude, estiveram no rol de preocupações da ditadura militar que consideravam essas manifestações algo subversivo, contrário “à tradicional paz social e racial brasileira” e portanto contra o regime estabelecido. Entre os documentos que o site localizou entre os documentos da ditadura estão cartazes …

COOJORNAL, O ALTERNATIVO GAÚCHO QUE INCOMODOU OS MILITARES

  Coojornal foi o nome de uma cooperativa de jornalistas de Porto Alegre, e também de um jornal que circulou nas bancas entre 1976 e 1982. A cooperativa, fundada em 1974, foi uma resposta dos jornalistas gaúchos às limitações e constrangimentos criados pela censura aos órgãos de imprensa. O veículo surgiu como uma publicação regional, …

CROQUIS DESENHADO POR “MILITAR ARREPENDIDO” INDICANDO LOCAL ONDE DESAPARECIDOS POLÍTICOS FORAM ENTERRADOS

O croquis anexado a essa publicação foi desenhado em julho de 2001 por uma pessoa que se identificou como “militar arrependido”. A tal pessoa rabiscou o desenho na presença de José Carlos Mendes, que militou na VPR e participou da ação que libertou 70 presos político Durante esses últimos 18 anos eu guardei o croquis …

JORNAL EM TEMPO DESAFIA A DITADURA. EDIÇÃO DE 20 DE MARÇO DE 1978

  É criado em São Paulo o Movimento do Custo de Vida (mais tarde Movimento Contra a Carestia), que organiza a população mais pobre em torno de questões como inflação, custo do abastecimento e arrocho salarial. O movimento se estruturou em torno das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs), uma nova forma de organização popular estimulada …

TRÊS PASSOS, CORONEL MALHÃES, TORTURAS E A NOITE DE SÃO BARTOLOMEU

Naquele início do mês de maio de 1970, enquanto o Cine Globo anunciava a estréia de Barbarella, com Jane Fonda, o Diretório local da Arena tomava posse e o Lions  comemorava seu 10º aniversário com um jantar de gala no salão do Clube Aliança, uma voz possante ressoou pela cidade de Três Passos. Era o …

INFORME 1505, DO CENTRO DE INFORMAÇÕES DO EXÉRCITO, SOBRE O JORNAL NOSSO TEMPO

    JORNAL NOSSO TEMPO: RESISTÊNCIA E LUTA CONTRA A DITADURA NO TRÍPLICE FRONTEIRA – ARGENTINA, BRASIL E PARAGUAI Josiane Portigliotti dos Santos Aparecido Francisco Bertochi dos Santos A ditadura militar no Brasil ocorreu entre 1964 a 1985, onde a censura sobre a imprensa era fortíssima por parte dos órgãos repressores do aparato estatal. Com …

CERCO E ANIQUILAMENTO À LIBERDADE DE IMPRENSA – CASO DO COOJORNAL

Segue em anexo documento do Serviço Nacional de Informações – SNI , com data de 19 de abril de 1983, sobre o Coojornal. Coojornal foi o nome de uma cooperativa de jornalistas de Porto Alegre, e também de um jornal que circulou nas bancas entre 1976 e 1982. A cooperativa, fundada em 1974, foi uma …

REPRESENTAÇÕES DA TORTURA NO JORNAL NOSSO TEMPO

Direitos Humanos e Opinião Pública em Foz do iguaçu – 1980-1985 Trabalho de Conclusão de Curso apresentado ao Instituto Latino-Americano de Arte, Cultura e História da Universidade Federal da Integração LatinoAmericana, como requisito parcial à obtenção do título de Bacharel em História América Latina Anderson de Oliveira Orientador Prof Paulo Renato  da Silva   Este …