CIA REVELA DIALOGO ENTRE O GENERAL GEISEL E ASSESSORES, EM QUE É PAUTA ASSASSINATOS SUMÁRIOS DE OPOSITORES

Este é o documento secreto mais perturbador que já li em vinte anos de pesquisa. É um relato da CIA sobre reunião de março de 1974 entre o General Ernesto Geisel, presidente da República recém-empossado, e três assessores: o general que estava deixando o comando do Centro de Informações do Exército (CIE), o general que …

DOIS IMPORTANTES INFORMES DE ALBERTO CONRADO, ESPIÃO DO CIEX INFILTRADO NOS MOVIMENTOS DE ESQUERDA

O primeiro relatório é referente às informações passadas ao Ciex – Centro de Informações do Exército no Exterior , pelo agente Altair,  codinome de Alberto Conrado, agente infiltrado entre os exilados brasileiros no Chile, Uruguai e Argentina. O segundo relatório, é referente à missão recebida por Conrado, de entrar em contato com pessoas no Rio …

UNIOESTE PUBLICA LIVRO SOBRE A VPR, HISTÓRIA DE UMA ORGANIZAÇÃO EMBLEMÁTICA DA RESISTÊNCIA À DITADURA

“Temos em mãos o resultado de uma investigação extensa e cuidadosa sobre uma das organizações emblemáticas da esquerda que pegou em armas para combater a ditadura militar e tentar abrir caminho para a revolução socialista no Brasil: a Vanguarda Popular Revolucionária, ou VPR. Algumas das mais espetaculares ações da esquerda clandestina naqueles anos foram praticadas …

LISTA DE PRISIONEIROS POLÍTICOS TORTURADOS PELA DITADURA MILITAR. ANISTIA INTERNACIONAL 1972

“O inquérito da Amnistia Internacional às denúncias de tortura no Brasil foi realizado de abril a maio de 1972. Como o Brasil sempre se recusou a permitir que representantes de organizações como a Organização das Nações Unidas Estados e Anistia Internacional entrarão no Brasil para investigar relatos de tortura, o presente relatório foi compilado a …

DOCUMENTOS DA ITAIPU, COM PEDIDOS DE BUSCAS DE ANTECEDENTES POLÍTICOS DE EMPREGADOS ESTRANGEIROS DA UNICON

Pedidos de buscas emitidos pel Itaipu Binacional, solitictando aos órgãos de Segurança da ditadura militar, antecedentes políicos e sindicais de empregados estrangeiros da Unicon, Esses pedidos de buscas eram enviados para o Ministério das Minas e Energia, que por sua vez e via Centro de Informações no Exterior, encaminhava para os órgãos de inteligência dos …

ESPIÕES DA DITADURA MILITAR. LISTA COM 31 AGENTES DO CENTRO DE INFORMAÇÕES DA MARINHA INFILTRADOS NOS MOVIMENTOS DE RESISTÊNCIA (PARTE 02)

Os documentos em anexo, foram cedidos pelo  Projeto República: núcleo de pesquisa, documentação e memória,  criado em 2001, e que está vinculado ao Departamento de História da Universidade Federal de Minas Gerais e é coordenado pela professora Heloisa Maria Murgel Starling, (Titular Livre de História do Brasil da UFMG). Na lista com os 31 agentes, …

ESPIÕES DA DITADURA MILITAR. LISTA COM 31 AGENTES DO CENTRO DE INFORMAÇÕES DA MARINHA INFILTRADOS NOS MOVIMENTOS DE RESISTÊNCIA (01)1

Os documentos em anexo, foram cedidos pelo  Projeto República: núcleo de pesquisa, documentação e memória,  criado em 2001, e que está vinculado ao Departamento de História da Universidade Federal de Minas Gerais e é coordenado pela professora Heloisa Maria Murgel Starling, (Titular Livre de História do Brasil da UFMG). Na lista com os 31 agentes, …

VANJA ORICO – A CANTORA E ATRIZ QUE ENFRENTOU A DITADURA

  No início dos anos 1950, uma jovem brasileira que morava na Bélgica, onde o seu pai era diplomata, participou de um concurso de canto lírico, que tinha como prêmio uma bolsa de estudo no afamado conservatório musical Accademia di Santa Cecilia, em Roma. A moça acabou conseguindo o prêmio. Estudava no conservatório pela manhã e, …

CENTRO DE INFORMAÇÕES DO EXÉRCITO (CIEX), CONTROLOU E DIFUNDIU INFORMAÇÕES SOBRE OS EXILADOS NO CHILE

Quando o companheiro Gregório viajou pra República Popular Democrática da Coréia, ele passou pra mim a responsabilidade de cuidar/administrar as coisas da Vanguarda Popular Revolucionária – VPR, no Chile e representar a Organização perante as demais organizações e Embaixada de Cuba , em Santiago. Eu achava que essa era uma informação fechada, até que tive …

CARTA DA MÃE DE PAULO FRANCK, AO FILHO QUE SAIU DA PRISÃO EM TROCA DO EMBAIXADOR DA SUÍÇA

Carta escrita pela mãe de Paulo Frank e interceptada pelos órgãos de informações da ditadura militar do Brasil e difundida pelo Centro de Informações no Exterior (CIEX) Com a data de 29 de janeiro de 1971, e escrita em Pelotas (RS), na carta, dona Yeda mostra seu imenso carinho pelo filho, que estava asilado no …

DOCUMENTOS E REFLEXÕES DE APOLÔNIO DE CARVALHO, ONDE ELE ANALISA A ESQUERDA ARMADA, OS PROBLEMAS INTERNOS DO PCBR E SUA PRISÃO

Trata-se de importantes documentos, onde o dirigente comunista Apolônio de Carvalho tece reflexões sobre a opção pela luta armada contra a ditadura, as diversas crises internas no PCBR e em outras organizações revolucionários. Entre o conjunto de documentos está o depoimento de Apolônio sobre sua prisão a as torturas que lhe foram infringidas. Acervo Apolônio …