QUANDO FOZ DO IGUAÇU ERA ÁREA DE SEGURANÇA NACIONAL, A CÂMARA MUNICIPAL FICOU SUBMETIDA A TUTELA DO SNI

Durante a ditadura a Câmara Municipal de Foz do Iguaçu foi tutelada pelos órgãos de repressão. Todos os pronunciamentos  dos vereadores eram enviados ao SNI – Serviço Nacional de Informações, sediado em Brasília e que centralizava centralizava todos os dados obtidos pelos órgãos de repressão. Foz do Iguaçu era considerado área de “segurança nacional”. Em …

INQUÉRITO POLICIAL MILITAR DOS SARGENTOS E OFICIAIS QUE NÃO ADERIRAM AO GOLPE. COMPLETO E DIVIDIDO E DUAS PARTES

https://drive.google.com/open?id=1ETdopFs55IsdqYoGBPEsKOfjigOYW9WL https://drive.google.com/open?id=1aop83KierxMDySQS5M1j3XGNrAOUl6Gt Em 1964, o Raul Soares serviu de navio-prisão, se transformando num cárcere flutuante no Porto de Santos. Mas em seu interior não havia lei e nem respeito à dignidade humana. Direitos aos habeas corpus jamais foram respeitados. As ordens de soltura também não eram atendidas. Segundo relatos de sobreviventes, que constam em reportagens …

DAS ARMAS ÀS LETRAS: OS MILITARES E A CONSTITUIÇÃO DE UM CAMPO MEMORIALÍSTICO DE DEFESA À DITADURA EMPRESARIAL-MILITAR, de CLARISSA GRAHL DOS SANTOS

O trabalho tem como temática a constituição de um campo memorialístico de direita formado por militares da reserva que atuaram, em graus variados, em órgãos de repressão e informação durante a ditadura empresarial-militar e que consideram que, não obstante tenham ganho no campo das armas, perderam na batalha das letras e da memória. Para tal, …

MORTOS VIVOS. OS MILITARES QUE A DITADURA TENTOU APAGAR. CASO DO TENENTE CORONEL VICENTE SYLVESTRE

Vicente Sylvestre era coronel da Polícia Militar quando foi torturado no DOI porque era comunista. Chefe do Estado-Maior do Policiamento do Interior, Sylvestre conheceu instrumentos de tortura como a cadeira do dragão, os choques elétricos e teve a cabeça chutada como uma bola. “No feriado do dia 9 de julho de 1975, não houve aulas. …

PRONTUÁRIO E DOSSIÊ COMPLETO, SOBRE JAIR BOLSONARO, EMITIDO PELO CENTRO DE INFORMAÇÕES DO EXÉRCITO

O site Documentos Revelados publica em primeira mão, o informe 394, emitido em 27 de julho de 1990, pelo Centro de Informações do Exército- CIE, sobre Jair Messias Bolsonaro. Além do Informe do CIE, DR publica uma série de telex enviados ao SNI pelos agentes que monitoraram o capitão, acusado de ter elaborado um plano …