PRESIDENTE DA OAB PARANÁ, FOI PERSEGUIDO DEVIDO DISCURSO EM DEFESA DA DEMOCRACIA

Eduardo Rocha Virmond foi presidente da OAB Paraná de 1977 a 1979, período em que o país vivia sob o controle da ditadura militar. Enquanto esteve na presidência da Seccional, Virmond coordenou a VII Conferência Nacional da OAB (1978), que teve como tema central o Estado de Direito. Com o Teatro Guaíra lotado por 3 …

DESMANDOS, RANCHOS QUEIMADOS, PRISÕES E TORTURAS. OS DESPEJOS DOS AVÁS-GUARANIS NO OESTE DO PARANÁ

Desmandos, ranchos queimados, prisões e torturas. Isso aconteceu nos anos 1975 e 1976 na região Oeste do Paraná, quando indígenas Avás-Guarani foram despejados de sua terra histórica, herdada de seus ancestrais. Este fato está documentado nas correspondências/denuncias de autoria do advogado iguaçuense Antônio Vanderli Moreira. avas

A INSURGENCIA ESTUDANTL PARANAESNSE NO PENSAMENTO MILITAR

Instaurado o Regime Militar em 1964, iniciou-se as perseguições às camadas da sociedade consideradas subversivas, por irem contra aos ideais repressivos e conservadores dos militares, como, por exemplo, professores e estudantes, ocasionando na ilegalidade da União Nacional dos Estudantes, que passou a atuar clandestinamente em todo o território nacional. No ano de 1968 as perseguições …

MEMÓRIAS DA REPRESSÃO. ABERTURA DOS ARQUIVOS DA DITADURA NO PARANÁ (1991)

O vídeo foi produzido pela Secretaria de Comunicação Social do Paraná em 1991. Representa o importante momento de abertura dos Arquivos da Delegacia de Ordem Política e Social (DOPS) no Paraná. Esse material foi digitalizado pelo Arquivo Público do Paraná a partir do VHS da época e também pode ser encontrado no site “Memórias Reveladas” …

DOCUMENTOS REVELAM REPRESSÃO A MOVIMENTO DE AGRICULTORES EM SÃO CLEMENTE, PARANÁ, NO ANO DE 1966

A ditadura militar tinha muito medo, de que os conflitos no campo se alastrassem e avançassem no sentido de ter conteúdo político. Para tanto, o campo era monitorado nacionalmente e a repressão agia com rapidez e violência nas áreas conflagradas. É o caso de São Clemente, distrito do município de Santa Helena, onde em 1966, …

DOCUMENTOS REVELAM A VISÃO DA DITADURA MILITAR SOBRE AS POPULAÇÕES ORIGINARIAS

Vários documentos do Departamento de Ordem Política e Social do Paraná. “Ainda hoje sabemos muito pouco sobre os crimes cometidos pela ditadura contra as populações indígenas. O mais importante documento de denúncia sobre esses crimes – o “Relatório Figueiredo” – foi produzido pelo próprio Estado brasileiro e ficou desaparecido durante 44 anos – durante todo …

CARTA DO GENERAL ALFREDO STROESSNER À JK, LAMENTANDO DEVOLUÇÃO DE TERRENO SITUADO PRÓXIMO À PONTE DA AMIZADE

Em 1969, o ex-presidente Juscelino Kubitschek, enviou carta ao presidente do Paraguai, general Alfredo Stroessner, renunciando o terreno que havia ganhado do ditador. Durante o período em que deteve o poder no Paraguai, o general distribuiu terras para seus amigos e apoiadores. O terreno que JK ganhou ficava nas proximidades da Ponte da Amizade. A …