Polícia Federal Repressão

DELEGADO E ESCRIVÃO AMEAÇARAM DONO DE HOTEL APÓS NEGAREM PAGAR DÍVIDA

Em 1980, o comerciante da cidade de Guaíra, no Paraná, Hercílio Serafim Borges,  passou a ser perseguido pela Polícia Federal, quando teve a audácia de cobrar dívidas deixadas pelo delegado Odjamas Saboa Lima e o escrivão Soloncio Alencar Debssick.

Os dois policiais após passar um bom  tempo hospedados no hotel de Hercílio saíram do mesmo sem pagar a hospedagem e as refeições e bebidas consumidas. Cansado de cobrar a dívida, Hercílio afixou um cartaz na porta do estabelecimento expondo a situação para o público. Não deu outra, agentes policiais, alegando que a instituição estava sendo denigrida e em nome da preservação da imagem da mesma arrancaram o cartaz e amedrontaram o comerciante.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.