capa Geral Recortes Trabalhismo

MANIFESTO DO MARECHAL HENRIQUE TEIXEIRA LOTT EM DEFESA DAS INSTITUIÇÕES E DA DEMOCRACIA

Militar e político mineiro (16/11/1894-19/5/1984). Henrique Batista Duffles Teixeira Lott projeta-se nacionalmente por lide

rar, em 1955, o movimento que garante a posse do presidente eleito Juscelino Kubitschek.

Nasce em Sítio, atual Antônio Carlos. Cursa a Escola Militar do Realengo, no Rio de Janeiro, e é declarado aspirante em 1914. Faz carreira no Rio Grande do Sul e torna-se general em 1944. Durante o governo Café Filho (1954) é forçado a se demitir do cargo de ministro da Guerra, por causa de sua posição legalista em favor da posse de Juscelino Kubitschek, eleito pelo Partido Social Democrático (PSD).

Café Filho sofre ataque cardíaco e se afasta do poder, sendo substituído pelo presidente da Câmara, Carlos Luz. Lott depõe Carlos Luz e impede a volta de Café Filho, garantindo assim a posse de JK. Durante o governo Juscelino ocupa o Ministério da Guerra. É candidato à Presidência em 1960, pela coligação PSD-PTB, sendo derrotado por Jânio Quadros.

Com a renúncia de Jânio, em 25 de agosto de 1961,  militares brasileiros comandados por Washington se levantaram contra a posse do vice, João Goulart que se encontrava em missão na China. Uma das primeiras prisões feitas pelos golpistas  foi a do marechal Lott que logo se pronunciou pela legalidade.

Jango acabou tomando posse, foi decisiva a reação de Brizola, mas os mesmos militares golpistas deram um golpe em 1964 e impuseram ao Brasil uma sombria e cruel ditadura sob controle dos EUA.

PDFs

MANIFESTO DO MARECHAL HENRIQUE TEIXEIRA LOTT EM DEFESA DAS INSTITUIÇÕES E DA DEMOCRACIA

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.