Cadernos do Povo Brasileiro Capa

CADERNOS DO POVO BRASILEIRO – VIOLÃO DE RUA, A REVOLUÇÃO BRASILEIRA ATRAVÉS DA ARTE

O Violão de Rua
Movimento criado pelo enfrentamento entre esquerda e direita.
Movimento marcado pelos poetas indo a rua para organizar a população brasileira
para a revolução brasileira através de sua arte.
O movimento romântico revolucionário influenciou foi grande influência durante os
anos 60 e 70.
os caderno Violão de Rua:poemas para a liberdade, organizados por Moacyr Felix é
o exemplo maior deste movimento
As poesias do Violão de Rua abordavam os problemas vividos pelo povo brasileiro,
tendo o seu principal tema o homem do campo.
Os problemas da má distribuição de renda e a reforma agrária eram temas
constantes no violão de rua.
Violão de Rua: Busca tudo aquilo que seja real temas humanos, “tudo o que é
verdadeiro serve ao povo”
A linguagem poética como fator de transformador da ordem social estabelecida.
Essa é uma poesia engajada, utilizava da linguagem como instrumento de
conscientização política
Vinicius de Moraes foi um dos poetas que contribuiram para este movimentos
O movimento teve sua interrupção devido ao golpe militar.
“Moacyr Félix objetivava lançar ao todo 15 volumes do Violão De Rua o que não foi
concretizado por causa do golpe militar de 1964. Sendo assim, apenas 3 volumes
dessa coleção foram lançados. Os dois primeiros foram lançados em 62 e o terceiro
em 1963. Apesar de terem sido lançados apenas 3 volumes, o Violão De
Rua-Poemas Para A Liberdade com o seu formato de bolso fez um enorme sucesso
tendo sido vendido uma média de 20 mil exemplares”

CADERNOS DO POVO BRASILEIRO - VIOLÃO DE RUA, A REVOLUÇÃO BRASILEIRA ATRAVÉS DA ARTE

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.