AÇÃO POPULAR. DA JUVENTUDE CATÓLICA À OPÇÃO PELO MARXISMO-LENINISMO

  História da Ação Popular Em 2013 se comemorou os 50 anos de fundação da Ação Popular (AP). Ela teve importante papel na história da esquerda brasileira desde o período anterior ao golpe de 1964. Sua trajetória é bastante original. Nascida, fundamentalmente, pelas mãos de jovens cristãos socialistas – que procuravam um caminho alternativo entre …

AS PASSEATAS CONTRA A DITADURA MILITAR VISTAS PELA IMPRENSA

  PASSEATA DOS CEM MIL   Denominação com que ficou conhecida a manifestação realizada no Rio de Janeiro em 26 de junho de 1968, da qual participaram cerca de cem mil pessoas que protestavam contra as violências praticadas pela polícia alguns dias antes no centro da cidade, atingindo estudantes e populares. Promovida pelo movimento estudantil …

HABITANDO O TEMPO. LIVRO DA GUERRILHEIRA QUE SEQUESTROU UM AVIÃO ACOMPANHADA DE DOIS FILHOS PEQUENOS

Marília Guimarães tinha apenas 22 anos em 1º de janeiro de 1970, quando adentrou o Aeroporto Internacional de Carrasco, em Montevidéu, determinada a embarcar no voo 114 da Cruzeiro do Sul com destino ao Rio de Janeiro – uma viagem que, ela já sabia, mudaria radicalmente sua vida, para o bem ou para o mal. …

MEMÓRIAS DA DOR. O CASO DA SOCIÓLOGA TERESA CRISTINA, VIÚVA DE MARIDO QUE A DITADURA DIZIA ESTAR VIVO

Um dos casos mais emblemáticos, de como a ditadura afetou a vida dos parentes dos desaparecidos políticos, é o da socióloga Tereza Cristina Denucci Ribeiro Bastos. Tereza Cristina e Paulo da Costa Ribeiro eram membros do MR8 quando se casaram em 17 de julho de 1970. Ela tinha  24 anos e ele 25 anos, na …

EDIÇÃO COMPLETA DO JORNAL PENSAMENTO ACADÊMICO, ÓRGÃO DE DIVULGAÇÃO DOS ESTUDANTES DA FACISA

O jornal Pensamento Acadêmico, órgão de divulgação do Diretório Acadêmico 7 de julho, em sua primeira edição destacou a luta dos estudantes da antiga Facisa  para a criação da Unioeste. O Diretório Acadêmico era dirigido por : Adão  Luiz Almeida (presidente), Fidel Alvarenga (vice-presidente, Ângela Papandrea (1ª Secretária), Diva Rocha (segunda-secretária), Rubens Postale (segundo-tesoureiro);  Georgen …

IMPRENSA ANARQUISTA NO PERÍODO DA DITADURA MILITAR. CASO DO JORNAL LIBERA DO CÍRCULO DE ESTUDOS LIBERTÁRIOS

libera ÓRGÃO INFORMATIVO DO CIRCULO DE ESTUDOS LIBERTÁRIOS IDEAL PERES – CELIP/RJ  Historiografia da imprensa alternativa no Brasil trabalha, há tempos, com um conjunto de fontes que acabou se tornando, para o “senso comum”, sinônimo de mídia independente. Quando se fala do período de ditadura civil-militar no país (1964-1985), as referências giram em torno de …

“TEMPO DE RESISTÊNCIA”, DE LEOPOLDO PAULINO.UM RELATO CRU E NU DA RESISTÊNCIA ARMADA À DITADURA MILITAR

No livro “Tempo de Resistência”, Leopoldo Paulino faz um resgate de um momento histórico tão importante para o país, e que hoje desperta tanto interesse e sofre tantas deformações, tem também a preocupação de acender em outros a chama do compromisso político e da solidariedade”…”Nós somos o que fazemos, e sobretudo aquilo que fazemos para …

A repressão na Univ Federal de Goiás na Ditadura

A REPRESSÃO AOS ESTUDANTES, PROFESSORES E FUNCIONÁRIOS NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS DURANTE A DITADURA MILITAR (1964- 1979) Esta pesquisa visa, sobretudo, compreender o contexto histórico em que o aparelho repressivo construído pelo regime militar se desenvolveu e de que forma ele atuou dentro da Universidade Federal de Goiás .Portanto, para entender o contexto histórico …

RELATÓRIO FINAL E COMPLETO DA COMISSÃO ESTADUAL DA VERDADE DO PARANÁ. VOLUMES UM E DOIS

Composto de dois volumes e quase 900 páginas,  que se somam a milhares de documentos anexos, o Relatório Final da Comissão Estadual da Verdade – Teresa Urban, entregue no último dia 27 de novembro de 2017 ao povo paranaense é o resultado de um longo esforço de mobilização de vítimas  e familiares de mortos e desaparecidos …