FIM DE FOZ DO IGUAÇU, ANUNCIADO EM 1943, POR UM PREDICADOR, AGITOU MORADORES E MOVIMENTOU TROPA DO EXÉRCITO

Informe do Delegado de Polícia de Foz do Iguaçu, Salomão Sottomaior, ao chefe da DOPS do Paraná, datado de 23 de maio de 1943, comunicando que que após um “Monge” espalhar na zona rural, a destruição de Foz do Iguaçu, no dia 27 de maio, os moradores fugiram para a barranca do Rio Iguaçu Informe …

OFÍCIO DO BATALHÃO DE FOZ DO IGUAÇU, SOLICITANDO AJUDA PARA CONSTRUIR EDIFICAÇÃO

Em ofício dirigido à Sotege, em maio de 1959, empresa que construiu a Ponte da Amizade, o comandante ddo então 1 Batalhão de Fronteiras pediu o fornecimento de areia. Em novembro do mesmo ano o mesmo comandante agradece à Sotege por ter construido a edificação.

CARTA DO GENERAL ALFREDO STROESSNER À JK, LAMENTANDO DEVOLUÇÃO DE TERRENO SITUADO PRÓXIMO À PONTE DA AMIZADE

Em 1969, o ex-presidente Juscelino Kubitschek, enviou carta ao presidente do Paraguai, general Alfredo Stroessner, renunciando o terreno que havia ganhado do ditador. Durante o período em que deteve o poder no Paraguai, o general distribuiu terras para seus amigos e apoiadores. O terreno que JK ganhou ficava nas proximidades da Ponte da Amizade. A …

MEMÓRIA DO JORNALISMO DE FOZ DO IGUAÇU. EDIÇÃO RARÍSSIMA DO JORNAL “O TRABALHADOR”, DE 11 DE MAIO DE 1959

Edição histórica do jornal O Trabalhador, de Foz do Iguaçu, que  era dirigido por Guaraná de Menezes e Heraldo Bastos. O número 11, de maio de 1959, traz matérias sobre a ação do jaguncismo na região Oeste do Paraná; declarações rotundas de Ezoel Portes e Ney Wadson dos Santos; uma extensa matéria sobre a construção …

RELATÓRIO DE FISCAL DO MINISTÉRIO DO TRABALHO, EXPÕE RELAÇÕES FEUDAIS NA FAZENDA PADROEIRA, EM MATELÃNDIA

Em 2002, quando eu pesquisei o arquivo físico da Delegacia da Polícia Federal de Foz do Iguaçu, em busca de pistas que me conduzissem aos desaparecidos políticos, me deparei com inúmeros documentos sobre conflitos no campo. Considero o relatório do Inspetor do Ministério do Trabalho, Manoel Munhoz, um dos mais importantes, pela exposição minuciosa das …

“OURO PARA O BEM DO BRASIL”, O GRANDE GOLPE DOS GOLPISTAS DE 1 DE ABRIL DE 1964

  Um mês após o golpe militar de 1 de abril de 1964, uma campanha em larga escala tomou conta do Brasil. Era a campanha “Ouro para o bem do Brasil”. Ou seja, entregue o ouro para o governo. Valia tudo, de aliança de casamento a medalhinhas ou pregadores de gravata. A coisa ganhou tal …