PERSEGUIÇÃO AOS HOMOSSEXUAIS, NAS ARTES, NA ADMINISTRAÇÃO E ATÉ NOS QUARTÉIS

A ditadura militar, montou um aparato de controle moral contra os comportamentos sexuais, tidos como “desviantes”. Assim, homossexuais, travestis, prostitutas e outras pessoas consideradas “perversas”, ou “anormais”, foram alvo de perseguições, detenções arbitrárias, expurgos de cargos públicos, censura e outras formas de violência. Em anexo e no formato PDF, três documentos que ilustram o cenário mde …

TRANSCRIÇÃO DA REUNIÃO DO GENERAL GEISEL COM O ALTO COMANDO DAS FORÇAS ARMADAS

Durante seu governo, o General Geisel reuniu em duas ocasiões o Alto-Comando das Forças Armadas, formado pelos ministros militares, pelos chefes dos Estados-Maiores e pelo chefe do Gabinete Militar. Neste documento está uma transcrição do segundo e último encontro, realizado em 20 de janeiro de 1975, tirado da fita e com pequenas correções feitas na …

DOCUMENTO RELATA CASO DE EXILADO NO CHILE, QUE É COOPTADO PELOS SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO DA DITADURA

Com a eleição de Salvador Allende, o Chile dos anos 71,72 e 73, passou a ser o “santuário” e área de refúgio de revolucionários e aventureiros de todo tipo. A colônia brasileira no exilio era composta pelas organizações que faziam a luta armado no Brasil e demais grupos de reistência. inclusive o PCB. Paralela a …

RELATÓRIO FINAL DA COMISSÃO DA VERDADE E MEMÓRIA DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS – UNICAMP

Os trabalhos que deram origem ao presente Relatório foram possíveis porque contamos com a contribuição de diversas pessoas, da comunidade acadêmica e fora dela, a quem registramos nossos melhores agradecimentos. À Reitoria da Universidade Estadual de Campinas, especialmente ao Coordenador Geral da Universidade Prof. Dr. Álvaro Penteado Crósta. Ao Prof. Dr. José Marcos Pinto da …

COMISSÃO ESTADUAL DA VERDADE DE SANTA CATARINA. RELATÓRIO FINAL

A Comissão Estadual da Verdade de Santa Catarina foi criada com a finalidade de auxiliar a Comissão Nacional, visando examinar e esclarecer as violações de direitos humanos praticadas por motivação exclusivamente política no período de 18 de setembro de 1946 à 05 de outubro de 1988, no território do Estado de Santa Catarina, a fim …

SEQUESTRO DO EMBAIXADOR DA SUIÇA. MENSAGENS TROCADAS ENTRE A DITADURA E A VANGUARDA POPULAR REVOLUCIONÁRIA, NOS 47 DIAS DE NEGOCIAÇÃO

No dia 07 de dezembro de 1970, o Embaixador da Suiça no Brasil foi sequestrado por um comando da VPR. Durante 47 dias, Giovani Bucher ficou em mãos dos revolucionarios. A demora nas negociações, foi devido as negativas da ditadura em libertar determinados presos sob alegações diversas, além de que alguns presos políticos cederam às …